Translate

sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

SEMENTE

SEMENTE

Em algum dia da Semana,
cuido de minhas Violetas,
enfeites de minha singela cabana.

Mas entre elas, tem a mais florida,
é a que tem uma Semente escondida,
Semente muito viva,
mas que esta adormecida,
porque lá a enterrei
quase assim pra ser esquecida.

Semente esquecida,
porque esta sucumbida,
pois ela é um sentimento,
que agora é uma esperança perdida.

É o sentimento, que é uma teoria,
foi minha verdadeira agonia,
real ironia,
de uma via de uma mão só,
e como é uma Teoria,
melhor mesmo que seja
uma Semente adormecida,
que entres minhas Violetas,
é aquela a mais florida,
eis ai a grande ironia.

Marco Aurelio Tisi

( 27/12/2013 )

sábado, 21 de dezembro de 2013

BOLA DE CRISTAL


BOLA DE CRISTAL

Coloquei minha Desilusão,
dentro de uma gota de orvalho,
junto foi um pouco de dispersão,
nenhuma pretensão,
e uma tremula apreensão,
pra desanuviar minha escuridão.

A Gota de Orvalho, se congelou então,
e se transformou em uma Bola de Cristal,
e com isso quis transformar,
minhas mazelas em um Bom Astral,
pra tentar ter uma vivencia mais cordial.

Mas é claro, é só uma Poesia,
não há como o Rocio,
se transformar em um pátio
para jogar nossas mazelas
como num precipício.

Mas assim é minha Bola de Cristal,
ela não me mostra o Futuro,
ela só me mostra aquilo
que pra mim foi o que há de mais Duro.

Marco Aurelio Tisi
(21/12/2013 )

quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

MEU UNICÓRNIO


MEU UNICÓRNIO

Fazia tempo que eu não a via,
falo, de minha Lua Querida,
foi Domingo que passou,
junto de Amigos que nela reparei,
e disse que tenho um Amigo Unicórnio
que me leva até ela, ela a Lua tão bela.

E então quando cheguei em casa,
chamei o Unicórnio pra levar me até Ela,
mas o Unicórnio triste disse me
que só poderíamos ir no lado escuro da Lua,
porque agora “ eles “ estão “ chafurdando “
no outro lado,
sabe se lá o que estão pesquisando.

Mas esse encanto da Lua ninguém tira,
pois Ela sempre será aquela que me inspira,
mas é claro que o que agora acontece,
em muito a nós Poetas nos entristece.

Porque a Lua faz o Mar dançar,
e como a Lua o Mar também
a muitos Poetas faz inspirar,
por isso que na Lua
nada se pode alterar.

Mas por hora, o Unicórnio
me leva pro lado escuro da Lua,
e de quebra a gente passeia
pela Constelação de Capricórnio,
e é claro que vou com o meu
mágico tricórnio.

Marco Aurelio Tisi

( 19/12/2013 )

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

SUBMERSÃO


SUBMERSÃO

Como não podia deixar de acontecer,
novamente a Submersão veio a acontecer,
e as vitimas são as mesmas, sem arrefecer.

Submersão, que são atribuídas aos céus,
mas não, são bem outros os réus,
Submersão, que é fruto da má gestão,
que na totalidade da nacional urbanidade,
esta toda a sua impermeabilidade,
esta sim de responsabilidade,
dos políticos em suas perversidades.

Mas o ano que se aproxima,
terá pleito para novos gestores,
que como sempre
são os mesmos pleiteantes,
os algozes repugnantes,
que como sempre serão eleitos,
pelo mesmo povo,
quando da próxima Submersão,
perderam desde todos os bens materiais,
até provavelmente, seus entes Queridos,
que nem direito terão a honra parentais.

Não, a Submersão não vem dos Céus,
vem daqueles que nos pleitos,
elegem sempre os mesmos réus.


Marco Aurelio Tisi

(13/12/2013 )

domingo, 8 de dezembro de 2013

ARREPIO


ARREPIO

Tava aqui não fazendo nada,
curtindo meus Amigos,
filosofando a Vida,
quando tocou uma musica,
que me deu um Arrepio,
mesmo em não acreditando
em mais nada,
vem a musica e me da um Arrepio,
e torna tudo tão sombrio,
é essa musica deixa a Vida por um fio,
manter o coração plácido,
é um eterno Desafio.

Marco Aurelio Tisi

( 08/12/2013 )


domingo, 1 de dezembro de 2013

BOATO







BOATO

Ouvi um boato, que há vestígios
de civilização na Lua,
ah, isso é uma falcatrua.

Justo na Lua,
que quando a emoção se insinua,
a veia do Poeta que é ingênua,
e tem a Lua como sua,
sangra e chora o Amor
que pensava ser candura.

Mas agora com esses vestígios,
“ eles “ vão arrumar subterfúgios,
ir na Lua vasculhar,
e com isso todo encanto acabar.

Incrível como “ eles “ querem acabar
com tudo que é para acalmar,
e a Pureza da Lua nos tirar.

Tomara então, que seja só um Boato,
e deixem a Lua pra nos encantar,
acalmar e principalmente nos Inspirar.

Marco Aurelio Tisi

( 01/12/2014 )

quinta-feira, 14 de novembro de 2013

MORENA

MORENA

Morena Bonita,
do lábio delineado,
do olhar resignado,
dos negros cabelos cacheados,
á emoldurar o teu rosto singular.
Em que ou em quem você pensa ? ? ?

Morena Elegante,
do vestido bem trajado,
com teus contornos bem marcados,
que deixa o respirar sufocado.
Por quem ou de quem Tu és ? ? ?

Morena Enigmática,
do trejeito simpático,
do andar selvático,
que me deixa estático.
Para onde ou para quem você vai ? ? ?

Morena Misteriosa,
que não se sabe o tom de sua voz,
que vai deixar uma curiosidade atroz,
e por incrível instante veloz,
me deixou sem voz.
Para quem sabe um dia te reveja
em um instante mirabolante ! ! !

Marco Aurelio Tisi

( 14/11/2013 )

domingo, 10 de novembro de 2013

BORZEGUIM


BORZEGUIM


Eu Adoro meu Borzeguim,
eu o ganhei de uns Amigos Afins,
eles moram la na Serra da Canastra,
que as vezes dá uma Saudades
que se alastra .

Meu Borzeguim é Confortável,
Maleável e Impermeável,
mas para alguns,
usa – lo na cidade é inaceitável.

Mas eu agora na Cidade grande
sou um Jeca – Tatu,
fico procurando o canto do Anú,
meia assim Jururu.

Bom seria se pudesse
ir pro meio do Mato,
ficar estupefato,
fazendo Poesia
na beira do Regato.

Mas estou na Cidade Grande,
levando a vida sem aflição,
apurando a audição,
a procura da Passarada,
que, mesmo na Cidade Grande,
na época da Florada,
faz o fundo musical,
na Aurora nublada.

Mas eu gosto mesmo
do meu Borzeguim,
porque enfim
eu sou simples assim,
e já não estou
muito preocupado,
se alguém gosta de mim.

Marco Aurelio Tisi

( 10/11/2013 )

sábado, 9 de novembro de 2013

JOANINHA

JOANINHA

É uma Solitária Joaninha,
as vezes ela esta Vermelha com pintinhas Pretinhas,
outras vezes esta Preta com pintinhas Vermelhinhas,
ela tem escondida sob as carapinhas, suas asinhas,
que fazem com que ela vá conversar
com suas Amiguinhas Florzinhas,
mas tem vezes que a Joaninha fica Toda Pretinha,
é porque ela esta muito Tristinha,
e também tem outras vezes, e é muitas vezes,
que ela fica toda Vermelhinha,
é porque ela tem muitas Saudades,
e ela fica tam Vermelhinha,
porque essa Saudade é do que não volta mais,
Mas o que agora a Joaninha, só quer ficar
Vermelhinha com pintas Pretinhas,
ou Pretinha com pintas Vermelhinhas,
pra poder ir conversar com as Florzinhas,
e poder voar por ai Sozinha.

Marco Aurelio Tisi

( 09/11/2013 )

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

AROMAS


AROMAS

Fui visitar o Parque que tem aqui perto,
ainda não o tinha descoberto,
fui lá mais pra atender um conselho,
conselho de uma Senhora Baiana do Além,
é o tipo do conselho que não se deve ter desdém .

Me aconselhou a andar descalço na terra,
pra descarregar impaciência da Alma,
e assim o Coração ter mais calma.

Mas do que mais gostei foi do Aroma
que me remeteu os anos de criança,
quando ia pro Horto Florestal,
de Trem com seu Apito,
pra sentir o aroma do Eucalipto.

Incrível o poder dos Aromas,
que nos fazem ter os sintomas,
das Saudades boas,
dos Amigos, agora tão distantes.

Agora que descobri
o Parque daqui,
irei mais vezes lá,
pra andar na terra descalço,
pra caminhar pelas alamedas,
sentir do Eucalipto seu Aroma,
ouvir da Passarada seus cantos
com muita pompa.

Beleza de Parque Arvoredo,
lugar tranquilo com seu enredo,
viveiro de Passarada cantante,
com seu Aroma estonteante.


Marco Aurelio Tisi

( 28/10/2013 )

sábado, 12 de outubro de 2013

ENCANTAMENTO

ENCANTAMENTO

Todo dia tem Encantamento lá na Aldeia,
os Curumins Encantados,
na sua Infância a vivem num todo enfeitado,
nas brincadeiras a Flor da Pele,
não há nada que os atropele,
brincam de correr na Mata,
brincam de arco e flecha,
tem os mascotes mais lindos,
pode sem um filhote de onça,
uma Arara Azul ou Colorida,
e até um lindo filhote
de Bicho Preguiça.

E quando resolvem no Rio ir nadar,
tem o Boto Cor de Rosa como companhia,
naquele nado que é uma bela sincronia .

Mas infelizmente, eles nem imaginam
do maior perigo que os espreita,
não, não é um perigo que vem da Mata,
a Mata é Encantada, nela não tem perigo,
o Perigo vem do “ Terrorismo Ruralista “,
que a todo custo, quer a Mata dizimar,
para que ali ponha o gado a engordar.

Mas os Curumins Encantados,
de tanta brincadeira, estão saciados,
mas antes de dormir,
sobre a Luz do Luar,
envolta dos mais antigos,
eles vão ficar,
para ouvir as Historias
daquele Povo,
que tem uma linda trajetória.

Mas nem os Curumins Encantados
nem os mais Velhos, todos eles Imaculados,
imaginam que o seu Futuro pode ser expropriado,
pelo Perigo que não vem da Mata.

Mas por ora, todo dia é dia de Encantamento,
para os Curumins Encantados,
que vivem lá na Aldeia,
Todos eles Imaculados.

Marco Aurelio Tisi

( 12/10/2013 )

quarta-feira, 2 de outubro de 2013

RAPTO


RAPTO

Ele enfim ele chegou,
mas por hora ficara de quarentena,
enquanto isso foi montado
o grande circo midiático,
a veterinária chefe deu entrevista,
mas o principal ela omitiu
é de como foi o modo
de que aquela pobre criatura
se conseguiu.

Mas enquanto isso,
foi feito até um concurso,
para a criançada dar um nome
para aquela infeliz criatura,
que agora tem aquele triste semblante,
de uma Saudade cortante.

Mas vamos aqui tentar explicar,
o grande Crime que a pobre criatura
veia a embarcar.

A Criatura que aqui falo,
é do triste filhote de Orangotango,
Vitima de um crime hediondo,
e o pobre animal sente
seu coração bater como um estrondo.

Pois o mesmo é Raptado
assim como filhote,
da sua família é arrancado,
e esta absurda ação,
causa em sua família
total desagregação.

Então sabedor disso,
afinal qual a finalidade
de um zoo,
que para conseguir
suas atrações,
se comete tais aberrações.

Então quando for no Zoo,
procure saber de que modo
aquelas pobres criaturas
estão lá em total Amargura.

Marco Aurelio Tisi
( 02/10/2013 )

domingo, 22 de setembro de 2013

LUZES DA CIDADE



LUZES DA CIDADE

As Luzes da Cidade,
incidem sobre a menina,
que no meio do trafego,
vitima do trafico,
estende sua mão pequena,
porque pra Ela a vida
já não vale a Pena,
e o que ela mais quer
é um tostão pra se enganar,
e poder se drogar.

As Luzes da Cidade,
incidem sobre a Menina,
que ao conseguir o tostão,
ira lá pra sarjeta,
e com sua mão pequena,
que mal consegue
segurar o recipiente
cheio de fumaça ilusória,
pra enganar a fome,
e então à consome,
que depois de torrar
seu pequeno cérebro,
sentir sua Alma
sair feito fumaça,
de sua pequena narina,
agora tão flácida.

As Luzes da Cidade,
incidem sobre a Menina,
que agora já é um pequeno Zumbi,
e o que de melhor poderia lhe acontecer,
era pro Céu ela poder avoar feito um Colibri,
e de vez, desta sua triste vida sucumbir.

As Luzes da Cidade,
incidem sobre a Menina,
vitima dessa Sociedade
de Hipocrisia,
governada pela Velhacaria,
que em desarmonia
do que realmente poderia,
fazer pela Menina Colibri,
que por todo esse sofrimento,
não deveria mais estar aqui.

Marco Aurelio Tisi

( 22/09/2013 )

domingo, 15 de setembro de 2013

ESPAÇO


ESPAÇO

Agora que me arrumei e me ajeitei
em um novo Espaço,
que nesse ínterim, tantas coisas
livrei de mim,
e nesse todo desapego,
construí o melhor do meu aconchego,
para enfim não ter mais nenhum sôfrego.

Mas agora nesse Espaço,
além do que de material me livrei,
também do Imaterial me desapeguei.

Agora sou mais Realista,
agora sou mais cético,
não acredito mais em Utopia,
não acredito mais em Teoria,
não verdade quero distancia
daquilo que pode se tornar agonia.

Não quero mais pra mim
as trocas que consegui,
no meu Espaço Solitário,
viverei menos temerário,
não quero nada arbitrário,
farei do meu Espaço
meu Santuário,
vou alimenta – lo
com muita Erudição,
chega de provocação.

Não não sou uma Ilha,
ninguém é,
como bem disse Jonh Donne,
mas não quero mais me machucar,
nem a ninguém machucar,
já chega aquela Salgada Lágrima
de todo Santo dia,
que faz com que a ferida no coração,
não tenha cicatrização.

O Espaço é novo,
é um Espaço só meu,
quem sabe agora nele eu me cure,
mas que enfim eu não me descuide.

Marco Aurelio Tisi

( 15/09/2013 )

quinta-feira, 12 de setembro de 2013

MARROCOS





MARROCOS

" Vou pra Marrocos,
vou com uma Amiga,
chegando lá,
vamos tomar um Café Árabe,
e ter uma conversa bem suave,
não vamos falar de dividas,
mas muito provavelmente
vamos falar de Duvidas.
Depois vamos comer
um refrescante Tabule,
ao som de um ritmado Alaúde.
E então vamos comer
um adocicado Haleu,
pra vida não ficar um Breu.
É Assim que É.
A Viagem é Virtual,
A Amiga é Virtual,
mas ela é acima de tudo Cordial,
tanto que me inspirou
a fazer essa singela Poesia Casual. "

Marco Aurelio Tisi

( 12/09/2013 )

terça-feira, 3 de setembro de 2013

Poemas Instantâneos no FaceBook Nº 23



Canto Vibrante.

" Aqui na Cidade Grande,
tenho todo dia a Companhia
do Sabiá - Laranjeira,
que canta, tão belo,
que ao mesmo tempo é singelo,
Canta Vibrante,
fazendo o dia Radiante,
tornado a Cidade Grande,
doce como Açúcar - Cande,
mas tem também o Bem - Te - Vi,
quero achar que é o mesmo
de onde eu vim,
mas o que importa,
que agora tenho Dois Cantantes Companheiros,
meus Fiéis Escudeiros "

Marco Aurelio Tisi

(03/09/2013 )

sexta-feira, 30 de agosto de 2013

RETORNO



RETORNO

Agora que estou de Retorno,
trato de cuidar meu canto
com muito Adorno,
para clarear os Contornos,
para que não haja nenhum estorno.

Volto para um Canto pequeno,
feito um Sarraceno
num Oásis bem ameno.

Sei bem que tenho,
aqui nesta Cidade,
cuidar para evitar
aqueles que só tem maldade,
entretanto posso até,
encontra – los na casualidade,
mas, as vezes a adversidade,
pode ser uma prova
de ter a capacidade,
para manter a sobriedade.

Mas estou de Retorno,
e o que mais quero é Cultivar
Minha Querida “ Girassol “,
ouvindo o Rouxinol
no por do Sol.

Retorno para um novo recomeço,
sem nenhum tropeço,
e curtir a Vida com muito apreço.

É assim que é,
Retorno, Recomeço,
sem muita expectativa ,
e sempre ter a veia imaginativa,
para sempre tentar fazer
uma Singela Poesia.

Marco Aurelio Tisi

( 30/08/2013 )

sábado, 3 de agosto de 2013

EVOLUÇÃO OU INVOLUÇÃO

EVOLUÇÃO OU INVOLUÇÃO

Ando aperreado, ando injuriado,
já não suporto certas coisas,
já não quero saber de gente chata,
porque, pode ser inclusive
que eu estou também uma pessoa chata,
não quero ninguém prolixo,
ninguém com muito sufixo.

Sou um ser ingênuo,
não quero nada supérfluo,
agora cresceu um enorme
receio de tudo dentro de mim,
não quero me enganar com ninguém,
porque agora o meu entristecer
vai e vem, como no chacoalhar do Trem.

Com o Tempo vou me livrar,
daquilo que só me faz magoar,
novos ventos hão de soprar,
para as coisas belas me inspirar,
e que me acabe aquela
sensação diária de estar a chorar.

Mas sei que o Tempo não me cura,
e como castigo, do nada vem a amargura,
mas me apegarei na ternura,
posse ter errado com muitos,
mas não foi por falcatrua,
pelo contrario,
foi com tentativas pura.

O principal é reaprender
a ser como sempre fui
o Ser solitário,
não preciso de nenhum adversário,
não quero pra ninguém ser temerário,
não serei um sectário,
porque para o bem ou para o mal,
continuarei a ser como sempre solidário.

O Tempo não me cura,
e por isso mesmo agora
vou conviver sem saber,
se depois de tudo,
Eu Evolui ou Involui .

Marco Aurelio Tisi

( 03/08/2013 )

sábado, 27 de julho de 2013

VENTO FORTE


VENTO FORTE


É um cortante vento forte,
quase a janela não o suporte.

Vento cortante e forte,
que como um raio
craveja meu coração,
despertando uma comoção
doída e lacrimejante,
é uma Saudade extravagante,
de causar uma tristeza incessante..

Mas, Coração seja forte,
transforme esse raio cravejante,
em uma Brisa flamejante,
que seja uma Saudade cintilante,
que em vez de dor lacrimejante,
seja uma divagação fulgurante.

Coração seja Forte,
agora sou um perdido caminhante,
trazendo um bornal coruscante,
de lembranças de um Sonho delirante,
não deixe esse Vento cortante e forte,
tirar o brilho do meu Bornal chamejante .

Marco Aurelio Tisi

( 27/07/2013 )

quinta-feira, 25 de julho de 2013

BOLO DE CHOCOLATE

BOLO DE CHOCOLATE

"Hoje fiz um Bolo de Chocolate,
mas com esse frio
vou come - lo com um mate,
fiz esse bolo para comemorar,
um ano que deixei de fumar,
era o único vicio que eu tinha,
nunca precisei de nenhum outro,
sempre fui careta com muito gosto,
mas, me livrei de outras coisas também,
hoje para certas coisas
não confio mais em ninguém,
não quero mais ser usado por alguém,
mas o que importa e ter deixado de fumar,
e com esse Bolo de Chocolate,
junto com o mate,
não haverá mais nada que me arrebate. "

Marco Aurelio Tisi

( 25/07/2013 )

segunda-feira, 22 de julho de 2013

TRANSFORMAÇÃO



TRANSFORMAÇÃO

" Nos momentos de tortuosos pensamentos,
transformo os em meus imaginários
Barquinhos mal ajambrados,
que me transportam para
os Sonhos Acordados
do que vivenciei
e poderia ter vivenciado,
no que achava ter sido
o mais dedicado,
mas na realidade
não era uma relação
onde a sinceridade
estava assegurado,
mas isso é o tortuoso do pensamento,
o que importa é para onde
o Barquinho que dele se transforma,
que me leva para o melhor
que fui e sempre posso ser "

Marco Aurelio Tisi

( 22/07/2013 )

Art de Victoria Ivanova

sábado, 20 de julho de 2013

BANDO DE MARITACAS




BANDO DE MARITACAS

" elas estão aqui sobrevoando a cidade,
acho bonito, mas sei também
que é bem triste,
elas não são daqui,
já não tem mais procedência,
na realidade não há onde ter permanência,
aqui nesta cidade não tem milharal,
a cultura aqui é absurda,
é monocultura, não tem rotatividade,
é uma total incapacidade,
mas mesmo assim, perdidas,
as Maritacas sobrevoam a cidade,
talvez em busca de uma identidade,
já que agora, fora de seu habitat,
são animais refugiados,
do Cerrado que esta castigado,
pela mazela do lucro a qualquer preço,
fruto do total menosprezo,
pela fauna e flora da região,
que, infelizmente, segue em total extinção,
pobre Maritacas que sobrevoam a cidade,
no seu barulho bonito,
mas que não sei se para Elas, agora,
é um grito de Lamento,
de quem esta proscrito. "

Marco Aurelio Tisi

( 20/07/2013 )

segunda-feira, 15 de julho de 2013

LAGO DOURADO




LAGO DOURADO

Fui navegar no Lago Dourado,
no meu barquinho mal ajambrado,
encontrar com meus Amigos
que me são tão Caros.

E eles foram chegando,
cada um a sua maneira,
que alias eram bem
bailadeiras.

O primeiro a chegar,
trazido por suas Valquírias,
foi WAGNER,
que com harmonias tristes
veio contar a trágica estória
de “ Tristão e Isolda “.

Depois veio BIZET,
que lá de longe se via
sua sedutora “ Carmen “
dançando a “ Habanera “.

Em seguida Fadas trazem
MOZART tocando sua
“ Flauta Magica “
para encantamento de todos.

E saltitando PROKOFIEV,
veio com “ Pedro e o Lobo “,
apresentar os instrumentos
da orquestra,
numa verdadeira palestra.

E agora “ O Lago é dos Cisnes “
que foi transformado por TCHAIKOVSKY,
num sonho encantado.

E encerrando chega,
BEETHOVEN,
tocando “ Sonata ao Luar “.

Adoro esses meus Amigos,
que me foram apresentados
ainda quando era criança,
por meu Querido Pai,
na minha iniciação
de musical erudição.

Sala de estar,
que se transforma
em Lago Dourado.

Aparelho de som
que é meu
Barquinho mal Ajambrado.

Discos que materializam
meus diletos Amigos.

Essa minha singela Erudição,
não tem preço,
e num agradecimento
ao meu Querido Pai,
o Sentimento é de muito apreço.


Marco Aurelio Tisi

( 15/07/2013 )

quinta-feira, 11 de julho de 2013

HOJE, EU NÃO VOU


HOJE, EU NÃO VOU

Hoje, eu não vou,
nessa manifestação chapa branca,
dessa “ pelegada “ que transformou
esse pais na republica sindicalista,
que não tem nada de idealista,
que estão lá misturado
com o pior dos congressistas.

Essa gente malandra,
que agora vem com toda essa humildade,
mas que na realidade,
quando estão na sua atividade,
nos tratam com total maldade.

E nos tratam assim,
porque a eles nada acontece,
eis que se favorecem,
a uma lei trabalhista diferenciada,
que para eles é privilegiada.

Gente malandra,
com suas atitudes corporativistas,
que também não tem nada de idealistas,
só querem que a situação fique como esta,
que a nos só cabe lamentar.

Hoje eu não vou,
essa gente não me representa,
só me envergonha,
pois sem cerimonia,
com os nossos tributos,
são muito astutos.

Só vou novamente pra ruas,
sem essa gente de sindicato,
de partido, de profissionais malandros,
só vou novamente pra ruas,
quando a sociedade,
que é justamente maltratada
por essa gente,
que tem muito de indecente.


Marco Aurelio Tisi

( 11/07/2013 )

quinta-feira, 4 de julho de 2013

SALA DE ESPERA


SALA DE ESPERA

Fui no oftalmologista,
fazer uma manutenção da vista.

Como sempre, o total desrespeito,
consulta marcada para as 12 :30 Hs,
fui atendido as 14: 30 Hs,
e terminou as 15:30 Hs,
e tem lá a plaquinha da lei do desacato,
que é pra te inibir e ficar calado,
e essa é uma situação que independe de subvenção,
é isso sim, um deboche uma provocação,
porque como o emprego não é meritório,
nos os contribuintes, ficamos a merce
desse estado de coisas que é peremptório.

Mas enquanto esperava a vez,
li meia revista de ecologia,
e acabei conhecendo um Jovem
que é uma simpatia,
junto dele estava uma senhora
que o acompanhava com muita harmonia,
ele de uma tranquilidade invejável,
parecia que a qualquer situação
ele era adaptável,
transmitindo uma agradável sobriedade,
digna de um Jovem de sua idade.

Mas chegou a vez de o Jovem ser atendido,
e nesse momento ele precisou que a senhora
que o acompanhava com ele fosse dirigido,
afinal o Jovem tem 96 anos,
então esta situação faz parte do seu cotidiano.
É admirável como certas pessoas
nos transmitem tanta Empatia,
sem forçar nada em demasia,
e apesar ou por ter tantas Primaveras
ter tanta energia.

Quanto a mim, a visão esta ótima,
e ainda bem que o Jovem estava lá,
porque se não, pelo inicial atendimento,
é de quase se enfartar.

Marco Aurelio Tisi

( 04/07/2013 )

quarta-feira, 3 de julho de 2013

VISITANTE



VISITANTE

" Passarinho veio cantar
aqui na minha janela,
ai, inevitável a alma
dar uma sacudidela,
para, apesar de tudo,
sentir que a Vida é bela,
porque entre outras coisas,
a vida tem trilha sonora,
como do Passarinho bonito.
que veio cantar na minha Janela. "

Marco Aurelio Tisi

( 03/07/2013 )


quarta-feira, 26 de junho de 2013

DEVOLUÇÃO



DEVOLUÇÃO

Agora que devolvi a representação
daquilo que pensava ser meu,
não, não no sentido de posse,
mas era o que em certo sentido,
tinha a noção do que se endosse,
mas não importa,
essa explicação pode causar
uma entorse.

Agora, materialmente,
nada mais há ligação,
só ficaram em minha mente,
o muito de recordação.

Recordação que ainda
não consegui dominar,
tem momentos que parece
que acabou de se suceder,
tem momentos que insiste
em me entristecer,
é nesse sentido que quero dominar,
para enfim ficar a recordação
mais bela e singela de tudo
que fez meu Coração transbordar.

Dominar Pensamentos,
não é assim tão simples,
porque ainda persiste,
a duvida maior ainda insiste,
em me entristecer ,
mas isto só o Tempo
há de arrefecer.

Mas a Devolução foi efetuada,
e que assim fique efetivada,
o fim de vez desta Ligação
que nunca foi uma Relação,
mas irei dominar meu Pensamentos,
para só poder recordar
aquilo que acordado
eu insisto em Sonhar.

Marco Aurelio Tisi


( 26/06/2013 )  

domingo, 23 de junho de 2013

DESPERTAR



DESPERTAR

" Nossa !!!! que mundo agitado
eu vim parar.
Tanta gente na rua,
gritando por tudo e contra tudo,
Quer saber ????
to entusiasmado, se eles tão
assim reivindicando,
é porque algo de novo
esta se descortinando.
É, cheguei na hora certa,
esse povo esta numa nova
descoberta,
vai ficar sempre alerta,
porque é na rua
que esta o DESPERTAR
daquilo que o Liberta. "

Marco Aurelio Tisi

( 23/06/2013 )

terça-feira, 18 de junho de 2013

SEM LIDERES


SEM LIDERES

É chegada a hora de mudança,
nada de aliança,
é chegada a hora de exterminar
essa maldita herança..

Vou aqui lembrar,
dos últimos pseudos lideres,
que tivemos que amargar.

Tancredo Neves :-
sempre matreiro,
sempre ao lado do
sistema financeiro.

José Dirceu :-
Era líder estudantil,
hoje se sabe muito bem,
a quem ele serviu.

Lula :-
Malandro sindicalista,
tinha um discurso antes de eleito,
depois que assumiu,
se aliou a todos aqueles
que durante a ditadura nos oprimiu.
Hoje, nada pega nele,
vivia falando sobre tudo,
agora sumiu, ficou mudo.

F.H.C. : -
Essa sigla tem um som de veneno,
B.H.C. Que esta proibido,
ele fez muito mal a nós,
com suas privatizações
de resultados enegrecidos,
malandro formado em Ciências Sociais,
mandou esquecer o que teorizava,
e com seu Ego só nos sacaneava.

É uma utopia minha não querer lideres,
mas temos que tentar um outro sistema
que venha realmente nos representar,
para que enfim podemos nos beneficiar.

Marco Aurelio Tisi


( 18/06/2013 )
" Poesia é antônimo de censura "

Sara Meynard