Translate

terça-feira, 14 de março de 2017

CURUMIM ENCANTADO


CURUMIM ENCANTADO

Curumim Encantado,
você e os seus estão
por demais ameaçados,
o representado do seu
maior inimigo,
agora esta empossado.

Curumim Encantado,
a relva onde tu adormece
no Luar Amarelado,
cada vez mais te tornara
encurralado.

Curumim Encantado,
“ eles “ querem eliminar
tua Etnia,
sem que haja a minima
contra partida.

Curumim Encantado,
na tua inocência,
nem imagina
como sera a violência,
da caneta sem um minimo
de consciência.

Curumim Encantado,
aproveita a relva esverdeada,
e dorme sob o Luar Amarelado,
e sonha com a terra desanuviada.

( 14/03/2017 )

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

CANETADA

CANETADA

Numa só Canetada,
a “ bala de borracha “,
foi autorizada,
foi autorizada,
a “ bala de borracha “,
numa só canetada.

Se prepara,
Estudante, Professor, Sem Teto,
e quem mais Protestar,
“ eles “ , aqueles dementes,
agora sim , irão “ barbarizar “ .

Mas, sempre tem um mas,
não teve Canetada,
pro roubo da merenda,
pra corrupção metro ferroviária,
nem pela má administração
da água.
Não, pra isso não tem Canetada.

Numa só Canetada,
a “ bala de |borracha “
foi autorizada,
foi autorizada,
a “ bala de borracha “,
numa só canetada.


(17/01/2017 )

terça-feira, 24 de janeiro de 2017

POR UM TRIZ



POR UM TRIZ


Naquela estação do metro,
que de longe Eu a vi,
confesso que tremi.

Não , não foi de emoção,
nem muito menos de tesão.
É que sinceramente
não queria a minima conversação.

Imaginei aquele papo enfadonho,
ouvindo loas por estar tudo demonho,
com aquele semblante de maroto risonho.

Mas foi por um triz,
nada de , de novo,
sangrar cicatriz.

O “ Tempo “ , esse piadista,
tem o prazer de mostrar
as coisas, feito um sofista.

Mas, tudo bem pra mim,
apesar de tudo,
virei um Poeta,
de mal traçadas linhas,
prefiro continuar falando
com “ Joaninhas “.

Foi por um triz,
é o risco que corro,
por , por hora,
ter que viver nesta cidade,
enfadonha,
com muita gente sem cerimonia.

( 24/01/2017 )



sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

FOLHETIM


FOLHETIM

Extra, Extra, Extra

Juiz com auxilio moradia,
determina desocupação.
de terreno ocupado,
por mais de 700 Famílias.

Não tá fácil, tanta incoerência,
é muita ordem sem consistência.

Tudo é feito a favor do Capital,
e tudo fica irracional.

Mas nesse Paradoxo País,
tudo tem justificativa,
principalmente com muita
ação repressiva.

( 20/01/2017 )






" Poesia é antônimo de censura "

Sara Meynard